Para conhecer nossos projetos editoriais, clique na capa da publicação.


Ano XXIII
Junho 2018

Ano XXI
Dezembro 2017

Relatório
SIMEFRE 2017
Edições Anteriores

Experiência e Expertise:
É disso que sua empresa precisa na hora de se comunicar bem com o mercado.

  • Fornecimento de Conteúdo Editorial
  • Desenvolvimento de Projetos
  • Pesquisa de Mercado
  • Material Impresso
  • Campanhas Publicitárias
  • Criação de Identidade Visual

ANTT apresenta balanço sobre benefícios das concessões rodoviárias

ANTT01

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) inicia série de reportagens, neste mês de dezembro, para explicar como funcionam os contratos de concessão das rodovias federais e quais são os benefícios gerados para a sociedade.

A ANTT regula e fiscaliza a exploração da infraestrutura rodoviária federal por meio de investimentos realizados pela iniciativa privada, ou seja, mediante contratos de concessão.

Para a Agência, segurança é item fundamental. Assim, a ANTT inseriu, nos contratos de concessão, os serviços de atendimento médico de emergência. Segundo o balanço divulgado, foram mais de 1 milhão e cem atendimentos nas 20 rodovias federais concedidas, realizados em uma década (2007-2017). Somente em 2017, foram 127.519 atendimentos.

A rapidez no atendimento a vítimas de acidentes de trânsito é um dos fatores determinantes para salvar vidas e para a redução das chances de sequelas graves. A concessionária faz o encaminhamento do acidentado a partir de diagnóstico elaborado por profissional médico competente, que determinará as providências médico-operacionais a serem aplicadas a cada caso, o que diminui o tempo do serviço e reduz a perda de vidas em acidentes graves.

Esse atendimento médico é resultado da tarifa de pedágio que foi paga pelo usuário, assim como os socorros mecânicos, a melhoria da infraestrutura, a segurança viária, a geração de empregos, etc.

Na próxima reportagem, serão abordados os atendimentos mecânicos.

Fonte: ANTT

07/12/2018

Compartilhe...Email this to someoneShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPrint this page