Experiência e Expertise:
É disso que sua empresa precisa na hora de se comunicar bem com o mercado.

  • Fornecimento de Conteúdo Editorial
  • Desenvolvimento de Projetos
  • Pesquisa de Mercado
  • Material Impresso
  • Campanhas Publicitárias
  • Criação de Identidade Visual

Credit Suisse vê ruído em processo de renovação de malha ferroviária paulista

malha SP

Analistas do Credit Suisse chamaram a atenção para o potencial efeito ligeiramente negativo nas ações da Rumo RAIL3.S.A. diante do envolvimento do Senado no processo de renovação da malha ferroviária paulista, uma vez que a movimentação dos senadores adiciona “ruído” ao tema.

Em relatório a clientes nesta sexta-feira, Felipe Vinagre e equipe destacam nota publicada na Agência Senado, segundo a qual a senadora Kátia Abreu (PDT-TO) e o senador Jean Paul Prates (PT-RN) articulam para que a Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI), junto com outros atores políticos relevantes, encaminhem um documento oficial ao Tribunal de Contas da União (TCU) propondo a suspensão do processo de renovação antecipada da malha ferroviária paulista.

De acordo com a Agência Senado, o processo de renovação antecipada prorroga por mais 30 anos a concessão da malha paulista para a empresa Rumo, faltando dez anos para a atual concessão vencer. O documento vai propor ao TCU paralisar o processo até que o Congresso Nacional estabeleça um novo marco regulatório ao setor ferroviário, e até que um questionamento judicial seja resolvido.

Malha Paulista

“O envolvimento do Senado no processo de renovação da malha paulista não estava em nosso cenário base (ou do mercado)”, afirmaram os analistas. A articulação, de acordo com a Agência Senado, nasceu durante a quinta-feira na CI, que debateu em audiência pública o Projeto de Lei do Senado 261/2018, que trata da formulação do novo marco.

Os analistas ponderam, contudo, que não há novos argumentos em relação ao processo e que a maioria das questões apontadas já foram discutidas e consideradas na análise pela equipe técnica da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT)e do TCU. “Por isso, acreditamos que este documento potencial do Senado não deve impactar a opinião final dos ministros do TCU.”

Na véspera, as ações da Rumo fecharam a 19,04 reais.

Fonte: Extra

10/06/2019

 

 

Compartilhe...Email this to someoneShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPrint this page