Experiência e Expertise:
É disso que sua empresa precisa na hora de se comunicar bem com o mercado.

  • Fornecimento de Conteúdo Editorial
  • Desenvolvimento de Projetos
  • Pesquisa de Mercado
  • Material Impresso
  • Campanhas Publicitárias
  • Criação de Identidade Visual

Produção de motocicletas apura alta de 5% no primeiro bimestre

Com o ambiente de negócio ainda aquecido, Abraciclo mantém estimativa de crescimento no ritmo do chão de fábrica por volta de 6% em 2020

Com o ambiente de negócio ainda aquecido, Abraciclo mantém estimativa de crescimento no ritmo do chão de fábrica por volta de 6% em 2020

 

Relatório consolidado pela Abraciclo divulgado na quarta-feira, 11, mostra que nos dois primeiros meses do ano, o Polo Industrial de Manaus (PMI) produziu pouco mais de 194,7 mil motocicletas, volume 5,1% superior em relação ao anotado um ano antes, de 185,2 mil unidades.

Em virtude do menor números de dias úteis no mês passado, especialmente pela presença do carnaval no calendário, somente em fevereiro a produção de motos alcançou 94,4 mil unidades, quedas de 6,8% em relação ao mesmo mês do ano passado, com 101,3 mil motocicletas montadas, e de 5,8% ante janeiro de 2020 (100,2 mil unidades).

O desempenho apresentado até aqui não altera projeção da Abraciclo para este ano, de anotar crescimento de 6,1% na produção, para 1,17 milhão de motocicletas. “O mercado continua aquecido e estimulado pela oferta de crédito tanto das instituições financeiras tradicionais e de montadoras, como dos chamados bancos digitais, com taxas de juros atrativas”, justifica em nota Marcos Fermanian, presidente da associação dos fabricantes do segmento de duas rodas.

Melhor média diária para fevereiro desde 2015

Na ponta do varejo, as vendas de motocicletas no primeiro bimestre recuaram 1,9% com 171,4 mil licenciamentos contra 174,8 mil emplacamento registrados há um ano. Somente em fevereiro, o mercado absorveu 79,8 mil unidades, volume 5,2% inferior na comparação com o mesmo mês do ano passado, quando somou 84,1 mil emplacamentos.

Em cada um dos 18 dias úteis de fevereiro, a média de venda foi de 4,4 mil unidades, alta de 5,4% sobre a média registrada no segundo mês de 2019, quando computou 4,2 mil unidades emplacadas em cada um dos 20 úteis. Segundo a Abraciclo, foi o melhor média diária para o mês de fevereiro, desde 2015, ocasião na qual anotou 5,2 mil licenciamentos/dia na mesma quantidade de dias úteis.

Devido às dificuldades econômicas da Argentina, o principal destino das motocicletas brasileiras, as exportações no primeiro bimestre recuaram 47,9% com quase 4,1 mil unidades embarcadas contra 7,8 mil registradas há doze meses.

Apenas em fevereiro seguiram para fora do País 2,4 mil motocicletas, queda de 27,2% em relação ao mesmo mês de 2019, com 3,2 mil unidades embarcadas, mas alta de 40,7% na comparação com janeiro deste ano, quando as remessas somaram 1,7 mil unidades.

Fonte: AutoIndústria

11/03/20

Compartilhe...Email this to someoneShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPrint this page